Perguntas ao ginecologista

Diversas dúvidas surgem quando se precisa ir ao ginecologista. Veja quais são as perguntas essenciais que você deve fazer!

O que perguntar ao seu ginecologista.

Saiba o que perguntar ao seu ginecologista.

No momento de uma consulta com o médico diversas dúvidas podem surgir e, a maioria das pessoas acaba sentindo vergonha de perguntar.

Um dos médicos que mais ‘sofre’ com esse tipo de comportamento é o ginecologista. Mas é necessário lembrar que é melhor deixar a vergonha de lado e fazer as perguntas do que ficar na dúvida, pois a falta de conhecimento pode trazer consequências desagradáveis.

                       

Dúvidas relacionadas à nossa saúde e ao nosso corpo devem ser sanadas o mais breve possível. Por isso, pergunte tudo ao seu ginecologista caso queira saber mais sobre algum assunto, isso é muito importante e pode até mesmo evitar uma gravidez indesejada, por exemplo.

Lembrando que você também poderá levar alguém pra te acompanhar na consulta a fim de que ela te ajude a fazer as perguntas certas ou para te ajudar a não se esquecer de tirar uma dúvida importante. Se preferir, anote em um papelzinho para não esquecer. Não tenha vergonha, eles têm o objetivo de te ajudar e terá prazer em te ajudar. Abaixo seguem alguns exemplos de perguntas que você pode fazer!

Consulta ao ginecologista

Perguntas que podem ser feitas para o ginecologista

  • Pílulas: Qual a pílula mais adequada para o meu caso?

Se você está pensando em passar a tomar anticoncepcional, é importante saber tudo sobre ele, e nada melhor que perguntar para seu médico. Além disso, você também deve expor a ele qualquer dúvida em relação a pílula.

  • Pílulas anticoncepcionais interferem no peso ou no surgimento de espinhas?

Essa também é uma questão muito importante, e que você deve perguntar, para não ficar com esse tipo de coisa na cabeça.

  • Qual o momento certo para iniciar o uso do medicamento?

Uma questão muito relevante, já que muitas mulheres acabam deixando de tomar o remédio, simplesmente por não saber como é seu uso correto.

  • Gostaria de começar a tomar anticoncepcional, como devo proceder com exames?

Lembre-se que, para que a pílula faça seu “trabalho”, e não lhe cause problemas, você sempre deve perguntar se precisa fazer exames. Lembre-se também que eles são gratuitos em todos os postos de saúde da rede SUS.

Principais dúvidas no consultório de ginecologista

Se você toma algum tipo de medicação, não se esqueça de falar isso para seu médico ginecologista. Além disso, pergunte também se a bebida anula o efeito da pílula.

  • A pílula pode ajudar a acabar com as cólicas?
Essa é uma pergunta também muito importante, visto que, muitas mulheres passam mal durante a menstruação, justamente por causa das cólicas.
  • É perigoso o uso de pílulas do dia seguinte?

Tire suas dúvidas sobre esse tipo de medicação, que só pode ser usada, no máximo, três vezes ao ano.

  • Tomar pílulas durante um longo período pode interferir no organismo da mulher para ficar grávida futuramente?

Milhões de mulheres tem esse medo. Vale a pena pedir maiores esclarecimentos sobre isso.

  • A pílula aumenta as chances do câncer de mama?

Se você tem histórico de câncer na família, ou é fumante, saiba que tomar pílula anticoncepcional, sem indicação médica, pode ser perigoso. Por isso, converse sobre esse aspecto com seu médico!

Outras perguntas que você deve fazer ao ginecologista:

  • Quando devo esperar para começar a utilizar pílulas após a primeira gestação?
  • Existe alguma pílula para mulher que ainda estiver amamentando?
  • Mulheres acima de 35 anos pode tomar a pílula normalmente?
  • A menstruação desregulada é normal?
  • A pílula do dia seguinte causa algum efeito colateral?
  • O que pode ser um corrimento?
  • Há riscos de machucar o bebê, mantendo relações sexuais durante a gestação?
  • Quanto tempo é preciso esperar entre uma gestação e outra?
  • Quais os riscos que uma mulher corre, ao manter relações sexuais sem preservativo?
  • O que é HPV?
  • Corrimento prolongado pode ser sinal de câncer de colo de útero?
  • Tive um aborto provocado ou espontâneo, quais os riscos que corro?
  • Como é feita a curetagem?
  • O que é endometriose?

Bate papo com o ginecologista

Confira também:

Vá ao médico ginecologista

Ginecologista dúvidas

Tratamento de corrimento vaginal

Como prevenir o HPV

Absorvente interno faz mal

Nenhum voto, seja o primeiro



Fabio
02/06/11


Mais informações por email.